Notícia

CBF cogita incluir campeões estaduais na Série C do Brasileirão

Proposta analisada pelo departamento de competições valeria para estados sem times nas 3 primeiras divisões, como o Espírito Santo

Imagine como seria o time campeão do Capixabão já garantir uma vaga direta na Série C do Campeonato Brasileiro? Se essa parecia uma meta difícil, agora ela já não parece tão distante.

Isso porque o presidente da federação Sul-Mato-Grossense de futebol, Francisco Cezário de Oliveira, revelou em evento da entidade local que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) está analisando a possibilidade de incluir na Série C os campeões estaduais de federações que não têm representantes nas três primeiras divisões nacionais, caso do Espírito Santo.

Rio Branco e Desportiva na final do Capixabão 2015 no Kleber Andrade
Rio Branco e Desportiva na final do Capixabão 2015 no Kleber Andrade
Foto: Vitor Jubini

A proposta prevê que entre os critérios técnicos de escolha dos times da Série C do Brasileirão esteja a conquista do título estadual. Nos casos em que o campeão já participar de uma divisão superior - A ou B, por exemplo - a vaga passaria ao vice-campeão, e assim sucessivamente.

De acordo com o dirigente, o modelo atual da Série C é restritivo às federações menores. Na temporada 2015, clubes de 13 federações estaduais ficaram de fora da disputa - os 20 clubes foram oriundos de 12 estados diferentes. As sérias dificuldades financeiras enfrentadas por essas agremiações impedem que conquistem o acesso a partir da Série D, na avaliação de Cezário.

"Para que um clube dessas federações sem representante suba para a Série C, é preciso um alto investimento financeiro, que os pequenos clubes dificilmente vão conseguir", disse o dirigente ao globoesporte.com/ms

O presidente da Federação Capixaba, Gustavo Vieira, vai se pronunciar nesta quinta-feira (28) sobre o assunto.

Ver comentários