Notícia

Entrosamento na zaga alvianil: Ferrugem elogia parceria com Léo Breno

Vitória conta com a solidez defensiva para conseguir a classificação para a próxima fase, em jogo contra o Sobradinho neste domingo

Ferrugem, zagueiro do Vitória
Ferrugem, zagueiro do Vitória
Foto: Vitor Jubini

O Vitória precisa de um simples triunfo diante do Sobradinho-DF neste domingo (09), às 18h, no estádio Serra do Lago, em Luziânia, para chegar à segunda fase da Série D. A confortável situação do Alvianil na competição muito se explica pela solidez defensiva da equipe.

O time não foi vazado em três das cinco partidas da Série D. Em todos esses três confrontos a zaga do time foi formada por Ferrugem e Léo Breno. Os dois defensores, ao lado de Harrison, foram os pilares defensivos do Vitória nas conquistas da Copa ES, em 2018, e no Capixabão, deste ano.

Com a peças que chegaram para reforçar o Vitória na Série D, Léo Breno perdeu a posição na equipe titular. O zagueiro, entretanto, recuperou a titularidade nos dois últimos jogos. Ferrugem, seu fiel parceiro de zaga, falou da relação dos dois e qual o segredo do sucesso.

"A convivência com Léo Breno já vem de bastante tempo. É um entrosamento grande, já trabalhamos juntos há quase dois anos. A gente conversa muito no dia a dia, e isso vem nos ajudando muito."

> Eliminado na Série D, Gian Rodrigues promete despedida nobre do Serra

Apesar de reconhecer a importância que ele e Léo Breno têm no sucesso defensivo alvianil, Ferrugem enaltece o trabalho coletivo desempenhado por todos os jogadores da equipe.

Léo Breno, no alto, e Ferrugem, zagueiros do Vitória
Léo Breno, no alto, e Ferrugem, zagueiros do Vitória
Foto: Vitor Jubini

"É um trabalho coletivo, onde estamos trabalhando com o Valdir durante a semana. Ele pede a marcação de todos da equipe. Teve jogo que atacante virou lateral esquerdo, o Vitinho virou lateral direito, é todo mundo se ajudando, é um cobrindo o outro, isso é muito importante."

A fortaleza defensiva do Vitória se contrasta com o ataque inoperante do Sobradinho-DF, adversário na última rodada. A equipe candanga, além de não pontuar na competição, não foi às redes em nenhum dos cinco jogos. Ao ser questionado sobre a escassez de gols da equipe adversária, Ferrugem pediu ainda mais concentração do Vitória-ES para não ser surpreendido.

> Confira a lista de todos os jogos profissionais no Kleber Andrade

"É ter mais concentração ainda, porque será um jogo difícil, querendo ou não é o trabalho deles, então eles vão se doar ao máximo. A gente vai continuar nosso trabalho, evitar tomar gol e tentar fazer a nossa parte, que é impor o nosso jogo."

Série D

O Vitória entra em campo neste domingo, às 18h, no estádio Serra do Lago, em Luziânia, para enfrentar o Sobradinho-DF, pela sexta e última rodada da Série D. 

 

 

Ver comentários