Notícia

Vitória Rugby continua batalha para se manter no cenário nacional

Time feminino do Vitória Rugby está recrutando atletas e arrecadando recursos para jogos fora do Estado

A batalha das meninas do Vitória Rugby continua. Depois de ficarem em terceiro lugar na segunda etapa do Campeonato Carioca, batendo as vice-campeãs brasileiras do Niterói, elas têm dois grandes desafios pela frente: conseguir mais garotas para compor o time e arrecadar dinheiro para a terceira etapa do Estadual no Rio de Janeiro, no final deste mês.

Time capixaba Vitória Rugby ficou na terceira colocação do Campeonato Carioca
Time capixaba Vitória Rugby ficou na terceira colocação do Campeonato Carioca
Foto: Vitória Rugby/Divulgação
Time capixaba Vitória Rugby ficou na terceira colocação do Campeonato Carioca
Time capixaba Vitória Rugby ficou na terceira colocação do Campeonato Carioca
Foto: Vitória Rugby/Divulgação

Na competição carioca, o time capixaba foi com apenas nove meninas, sendo que sete são titulares. Por conta de lesões, o elenco perdeu duas jogadoras e as meninas tiveram que atuar parte da disputa sem ninguém no banco.

E mais uma vez elas fizeram campanha para conseguirem viajar. Palha italiana e blitz no sinal de trânsito foram umas das alternativas encontradas pela equipe para custear a viagem. Agora elas precisam conseguir mais dinheiro e atletas para participarem da segunda etapa do Carioca, que acontece dia 25 deste mês.

“Estamos divulgando nossos treinos para as meninas que gostam do esporte porque precisamos ter um elenco maior. Neste último campeonato sofremos com o número reduzido de jogadoras que conseguiram participar. Por mais que tenhamos mais de um time treinando, nas viagens nem todas podem ir e ainda temos que conviver com as lesões. Então as meninas interessadas em se juntarem ao nosso time são muito bem vindas, disse a half scrum Kaká Araújo.

Por serem a única equipe de rugby do Estado, as meninas têm tentado manter o ritmo de treino mais alto participando como convidadas destas competições estaduais. Neste mês tem o Carioca e mês que vem o Mineiro, no entanto dificilmente elas irão conseguir ir nos dois eventos por falta de apoio financeiro. Mesmo com vaquinhas e dinheiro do próprio bolso, elas estão atrás de patrocínio.

“Não fica muito caro porque a gente economiza no que pode. A gente aluga uma van, que gira em torno de 18000 a 2010 reais, não gastamos com hospedagem porque fazemos bate e volta, viajando durante à noite para jogar no outro dia, e retornar após a disputa, e ainda fazemos uma vaquinha para a alimentação, comprando pão, mel e banana para comermos durante o campeonato”, explicou Kaká.

 

Foco principal é no segundo semestre com Brasileiro e Qualify

No Campeonato Carioca, disputado no dia 20 de maio, o Vitória Rugby enfrentou quatro times, venceu três, inclusive as atuais vice-campeãs do Brasileiro do Niterói, e perdeu apenas uma.

Apesar de toda dificuldade, de terem que atuar sem reservas por conta da contusão de duas jogadoras durante a etapa, o saldo é positivo, como destaca Kaká Araújo.

“Fou muito produtivo, porque a gente não consegue time para treinar contra a gente, e nessas competições é que a gente vai ganhando ritmo de jogo. Nosso grande objetivo é no segundo semestre, quando começa o Brasileiro. Serão seis etapas. A gente não sabe se conseguirá ir em todas, serão três em São Paulo, uma no Rio, uma em Curitiba e outra em Florianópolis”.

Além desta competição, a equipe capixaba terá o Qualifier em dezembro, que é quando o elenco lutará para ficar entre os quatro primeiros colocados, que garante a estas equipes terem todas as despesas do Campeonato Brasileiro de 2018 pagas pela federação.

 

Doação para custear viagem do Vitória Rugby

Cintia Menegardo Corona

Banco do Brasil

Agência: 3084-8

Conta: 30590-1

Variação: 51

Conta poupança

CPF: 133.128.307-88

Contato: Kaká 9 8145-7920

Treinos:

Local: Pedra da Cebola

Segunda e quarta: 19h

Sábado: 8h30

Ver comentários