Notícia

Fotógrafo desaparece em Cachoeiro de Itapemirim

Paulo César Mota Gouveio, de 53 anos, foi visto pela última vez há uma semana

Paulo César Mota Gouveio, de 53 anos, é morador de Cachoeiro de Itapemirim
Paulo César Mota Gouveio, de 53 anos, é morador de Cachoeiro de Itapemirim
Foto: Reprodução/ Redes Sociais

O fotógrafo Paulo César Mota Gouveio, de 53 anos, morador do bairro Bela Vista, em

Cachoeiro de Itapemirim

, Sul do Estado, está desaparecido há quase uma semana. Segundo a família, ele tem depressão e esta é a primeira vez que ele saiu de casa sem deixar notícias.

A filha de Paulo, Paula Thompson, conta que o pai vive com uma sobrinha, que é deficiente física. “Ele começou o tratamento de depressão, mas não deu continuidade. Ele foi visto, segundo um vizinho, no último domingo indo comprar pão, depois não retornou para casa. Depois, na quinta, disseram que o viram na rodovia do Frade. Fomos até lá e a descrição do rapaz, batia com ele”, conta a filha.

Paula conta ainda que receberam também informação que viram o fotógrafo próximo ao Timbó, um distrito de Cachoeiro. “Não sabemos desde quando está fora de casa. Última vez que falei com ele foi dia 14. Depois disso, o celular só dava desligado. Encontramos o aparelho dentro da casa dele descarregado”, conta.

Quem tiver informações sobre o paradeiro de Paulo César Mota Gouveio pode entrar em contato com a família 99968-7340 ou com a polícia pelo 181.

Ver comentários