Notícia

Campeão paralímpico morre cinco dias após título em mundial de halterofilismo

Morte foi em decorrência de um ataque cardíaco

Ele começou a prática do levantamento de peso em 2005
Ele começou a prática do levantamento de peso em 2005
Foto: Divulgação

O atleta paralímpico brasileiro Joseano Felipe, de 42 anos, morreu, nesta quinta (28), em Natal (RN), vítima de parada cardíaca. Joseano foi campeão no último sábado (23) da etapa do Rio de Janeiro da Copa do Mundo de Halterofilismo no Rio, evento-teste para a Olimpíada e Paralimpíada Rio 2016.

O brasileiro estava próximo de conquistar um índice para os Jogos Paralímpicos do Rio. Joseano era o atual sétimo colocado do ranking mundial da categoria 107 quilos (kg), sendo que os oito melhores se classificam para os Jogos. No sábado, ele conquistou o recorde das Américas levantando 206 kg. Nos Jogos Parapan-Americanos de 2015, o atleta conquistou o ouro.

Ex-policial militar no Rio Grande do Norte, Joseano Felipe foi baleado aos 27 anos em uma troca de tiros e ficou paraplégico. Ele começou a prática do levantamento de peso em 2005. “Mais do que o grande atleta que foi, é importante ressaltar e relembrar o homem, a pessoa. Nossos pensamentos estão com a família para que possam suportar este momento de dor”, lamentou, em nota, Andrew Parsons, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro.

Ver comentários