Notícia

Invenção de capixabas vai facilitar a vida de quem usa rotativo

Aplicativo que já tem mais de 500 mil usuários no Brasil será usado para pagamento

Frase

Um aplicativo criado por cinco capixabas vai simplificar a vida de quem usa o estacionamento rotativo na Capital a partir de segunda-feira. Com ele, será possível fazer o pagamento pelas vagas através do telefone celular.

O aplicativo PicPay já existe há 4 anos e, segundo um dos sócios-fundadores, o publicitário Diogo Roberte, 35, foi criado com o objetivo de facilitar o pagamento entre amigos e até mesmo a estabelecimentos como restaurantes. Presente em todo Brasil com foco em Vitória, Rio de Janeiro e São Paulo. Agora vai poder ser usado também para pagar o estacionamento na Capital.

No rotativo vai funcionar assim: você chega no parquímetro e em vez de acionar a máquina, escaneia com seu celular um QR Code. Daí é só digitar a placa do carro, escolher o tempo, digitar a senha e pronto. Está pago. Quer pagar sem sair do carro? É possível também. Basta usar a geolocalização para selecionar o parquímetro mais próximo e seguir o mesmo procedimento.

Em entrevista, o publicitário revelou como surgiu a ideia, contou um pouco da história do aplicativo e falou sobre a empresa PicPay. Confira:

Como surgiu o aplicativo PicPay?

Surgiu da ideia de um dos fundadores, o Anderson, Ele e o outro dos cofundadores, o Dárcio, pensaram em facilitar a vida das pessoas levando o pagamento para essa plataforma que vai ser o futuro. Através dessa ideia a gente pensou como ia desenvolver isso. Uma ideia é só uma ideia. Nada além de uma ideia. Você tem que trabalhar arduamente todos os dias e nos últimos quatro anos temos trabalhado de segunda a segunda, madrugada a dentro, tudo para revolucionar isso. É o trabalho de uma equipe.

Como surgiu a ideia de ter o PicPay no rotativo?

O aplicativo já funcionava no pagamento de lojas físicas. Quando vimos a questão do parquímetro, entendemos que podíamos ajudar a fazer a diferença nessa solução, de levar uma ferramenta muito simples, muito fácil e amigável de fazer o pagamento do parquímetro. Entramos em contato com a Vixpark e desenvolvemos essa solução junto com eles.

Vocês trabalham com o desenvolvimento de vários aplicativos?

Não. O PicPay é a própria empresa. Nosso trabalho é focado em melhorar cada vez mais a experiência das pessoas em fazer um tipo de pagamento. Seja pagar um boleto na minha casa, seja pagar minha funcionária, seja um parquímetro, um restaurante. Queremos transformar a maneira que as pessoas fazem isso hoje.

Quantas pessoas estão por trás do PicPay?

É muita gente. Temos investidores. O PicPay teve parte dele adquirido pela holding JIF. Eles são acionistas do PicPay.

O PicPay favorece então o pagamento entre pessoas?

O produto principal do PicPay é facilitar o pagamento entre as pessoas. É possível mandar dinheiro para qualquer pessoa do Brasil em menos de cinco segundos. Não há produto que permita isso.

 PAGANDO PELO APLICATIVO NO CELULAR 

Como fazer

Baixe

Faça o download do PicPay pela Apple Store ou pelo Google Play.

Cadastre-se

Crie uma conta no aplicativo e associe seu cartão de crédito. Também é possível criar uma carteira virtual e enviar dinheiro para ela.

No parquímetro

Primeiro passo

Aproxime-se do parquímetro e escaneie o QR Code ou, se preferir, use a geolocalização pelo aplicativo para selecionar o parquímetro que corresponde à vaga.

Demais passos

Escolha a placa do carro, o tempo, digite a sua senha do aplicativo ou a impressão digital.

App para guardas

Os agentes da guarda terão um aplicativo onde poderão verificar se um carro está com o rotativo pago ou não.

Ver comentários