Notícia

Soldado da Polícia Militar é assassinado a tiros em assalto na Serra

André Monteiro, do Grupo de Apoio Operacional (GAO), foi morto por bandido na madrugada desta quinta-feira (16)

O soldado André Monteiro foi morto com a própria arma
O soldado André Monteiro foi morto com a própria arma
Foto: Reprodução/Facebook

O soldado da Polícia Militar André Monteiro dos Santos, 22 anos, do Grupo de Apoio Operacional (GAO), foi assassinado a tiros no início da madrugada desta quinta-feira (16) na Avenida Getúlio Vargas, em Serra Sede.

André havia acabado de sair da academia, junto com a namorada de 21 anos, quando um bandido chegou de moto e anunciou o assalto.

Segundo informações da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o soldado sacou a arma para atirar, mas, assustada, a namorada de André abraçou ele. Nesse momento, o assaltante, que estava com uma faca, feriu o policial no braço e a arma caiu no chão.

Em seguida, o bandido pegou a pistola e atirou 14 vezes contra o PM e uma vez em direção à namorada do policial, mas não acertou o tiro. O criminoso fugiu levando a arma e o celular de André.

Com informações de Ruhani Maia

Comandante da PM e secretário de Segurança divulgam nota

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social e a Polícia Militar do Estado do Espírito Santo divulgaram nota lamentando a morte do soldado André Monteiro. Veja, abaixo, na íntegra:

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social e a Polícia Militar do Estado do Espírito Santo lamentam profundamente informar a morte do SD PM ANDRÉ MONTEIRO DOS SANTOS e está enlutada com a sua família e amigos, compartilhando o mesmo sentimento de perda.

Na noite da última quarta-feira (15/02), o Sd Monteiro, que integrava o GAO 6° BPM, ao sair da academia, tentou impedir um roubo, mas não teve sucesso na abordagem e foi ferido gravemente pelo suspeito, que fugiu após o cometimento do crime. Infelizmente, Sd Monteiro não resistiu aos ferimentos.

O Sd Monteiro agiu como um grande herói pois entregou a própria vida em defesa de desconhecidos, motivado pelo sentimento do dever e cumprindo com o seu juramento.

O velório ocorrerá a partir das 8h na Igreja Assembleia de Deus, no bairro Jardim Bela Vista, Serra.

Coronel Nylton Rodrigues

Comandante geral da PMES

André Garcia

Secretario da Segurança Pública e Defesa Social

Outro caso

No dia 8 de fevereiro, um policial militar, também do GAO, foi baleado no rosto, em Santa Maria de Jetibá, na Região Serrana do Estado. A vítima, Marcos Garcia, estava próxima a uma casa lotérica quando um homem passou atirando contra o militar. Ele foi socorrido por populares e encaminhado ao Hospital Beneficente Concórdia.

De acordo com testemunhas, o crime aconteceu na Rua Florêncio Augusto Berger, em frente à Secretaria de Cultura do município. A vítima estava à paisana. Após os disparos, o atirador teria fugido do local.

Havia poucas pessoas nas ruas, pois parte do comércio não abriu por conta da ausência da Polícia Militar. No Hospital Beneficente Concórdia, em Santa Maria de Jetibá, a informação é de que o militar foi transferido para uma unidade na Grande Vitória.

Ver comentários