Notícia

Bandidos armados invadem posto e exigem vacina contra febre amarela

Acuados, os funcionários foram até o lado de fora do posto de saúde e aplicaram as doses da vacina nos bandidos no meio da rua

Posto de saúde de Central Carapina foi fechado após o incidente
Posto de saúde de Central Carapina foi fechado após o incidente
Foto: Edson Chagas

Cinco homens armados invadiram a unidade de saúde de Central Carapina, na Serra, e obrigaram os funcionários a aplicar vacinas contra a febre amarela neles na manhã desta segunda-feira (6). Eles ainda ameaçaram moradores que aguardavam na fila.

Os bandidos chegaram ao local por volta das 8 horas, quando uma longa fila já estava formada no local. Eles entraram direto na unidade, apontaram armas para a cabeça dos funcionários e exigiram tomar a vacina. Acuados, os funcionários foram até o lado de fora do posto de saúde e aplicaram as doses no meio da rua.

A polícia foi acionada e os bandidos fugiram ao ouvir a aproximação de viaturas. Quando a PM chegou ao local, os cinco homens já haviam escapado. Ninguém foi localizado até o momento.

Por meio de nota, a Prefeitura da Serra informou que a Unidade de Saúde de Central Carapina foi fechada nesta segunda-feira (6) para garantir a segurança dos usuários e servidores. No final do dia, a Secretaria Municipal de Saúde deve definir sobre a reabertura da unidade.

Ver comentários