Notícia

Presidente do Twitter tem a conta hackeada

O perfil começou a compartilhar mensagens de ódio, racistas e antissemitas na tarde desta sexta-feira (30)

A conta de Dorsey no Twitter também foi hackeada em 2016

Jack Dorsey, presidente do Twitter, teve a conta no microblog hackeada. O perfil começou a compartilhar mensagens de ódio, racistas e antissemitas na tarde desta sexta-feira (30). "A Alemanha nazista não fez nada de errado" é um exemplo de conteúdo que ele retuitou de um perfil com identidade suspeita.

 

Brandon Borrman, da equipe de comunicação da empresa, confirmou na conta que Dorsey teve o perfil invadido e disse que a empresa investiga o caso. O Twitter apagou algumas das publicações feitas no perfil de Dorsey por volta das 16h.

Em um aplicativo de mensagens, um grupo chamado Chuckling Squad reivindicou a invasão à conta de Dorsey. Já de acordo com o site The Verge, os tuítes podem ser de uma fonte chamada Cloudhopper, empresa que o Twitter adquiriu em 2010 para apoio ao seu serviço de SMS.

A conta de Dorsey foi hackeada em 2016.

> Juiz nega liberdade a acusado de hackear autoridades

Ver comentários