Notícia

É hora de investir na compra da casa nova

Mercado apresenta novidades, mas preço segue estabilizado

Melhora nos índices econômicos facilita o  crédito imobiliário e aumenta a confiança do consumidor, diz especialista
Melhora nos índices econômicos facilita o crédito imobiliário e aumenta a confiança do consumidor, diz especialista
Foto: freepik

O números de pessoas que adiou o sonho de comprar a casa própria, de dar um up grade ou até mesmo de ser tornar um investidor de imóveis foi grande, nos últimos quatro anos. A crise econômica, aliada à dificuldade de crédito e taxas mais altas em bancos públicos, esfriou o mercado. Mas a boa notícia é que o ano de 2019 promete ser de realizações.

Economia com sinais de melhora, projeção de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) e recuo no desemprego animam o setor. De acordo com o diretor de economia e estatística do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Espírito Santo (Sinduscon-ES), Eduardo Borges, a expectativa é que, a partir de 2019, a expansão do mercado seja maior do que nos últimos três anos.

“A volta do emprego formal influenciará diretamente no cenário. Isso contribui para que as pessoas financiem imóveis.” 

Leia também

Prova disso é que, pelo menos, 17 novos empreendimentos já foram confirmados para cidades da Grande Vitória, como a Capital, Vila Velha e Cariacica; e do interior, como os municípios de Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim e São Mateus.

Já o vice-presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi-ES), Moacyr Brotas Netto, avalia que o período atual é favorável para quem deseja adquirir a casa própria com preço especial. “Dá para ver a retomada concreta nos investimentos, e os preços estão atrativos para os consumidores. Acreditamos que os apartamentos com preços acessíveis vão aparecer, principalmente, no setor de lançamentos.”

O diretor de marketing da Lorenge, Erik Lorenzon, estima que a tendência de valorização média na Grande Vitória para imóveis residenciais é de, no mínimo, 20% nos próximos dois anos. “O momento é ideal para investir na compra de um imóvel, pois, com o aquecimento do mercado, os imóveis estão no limite da baixa, ou seja, o preço de hoje não será mais encontrado daqui a pouco.”

Ver comentários