Notícia

Polícia prende bando que usava até fuzil em assassinatos

Os presos fazem parte de uma das gangues que brigava pelo domínio do tráfico na região. Foram quatro assassinatos em agosto decorrentes dessa guerra

Foto: Divulgação

A Polícia Civil colocou na cadeia três acusados de usarem até fuzil para cometerem assassinatos na região de São Marcos, na Serra. As prisões foram realizadas na manhã desta quarta-feira (29).

Na operação organizada pela Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) da Serra, com apoio da Força Tarefa e DCCVs de Vila Velha e Viana, foram presos André Ribeiro Soeiro, o Café, 25 anos, Filipe Inácio Mello, o Filipinho Capeta, 21, Caique Santana Pereira, 22.

Leia também

Na casa de André foi apreendido um revólver calibre 38. Os três são acusados de envolvimento na morte de Rodrigo da Silva Santos e de Jeferson Moreira Santos, que seriam integrantes do bando que disputa o comando do tráfico na região. Os dois crimes aconteceram em agosto, em um intervalo de 18 dias.

“São crimes decorrentes da rivalidade entre duas facções de traficantes na região de São Marcos e Cascata”, explicou o delegado Demétrius Vilar, adjunto da DCCV da Serra.

Os presos fazem parte da quadrilha liderado por Ícaro Santana Soares, o Icrinho, que já se encontra preso, e chefiava a área de São Marcos.

O confronto era com os traficantes dos bairros vizinhos, Santo Antônio Antônio e Cascata, liderado por Maik Santos Couto, o Maikinho, que também foi preso pela Polícia Militar na última semana. Antes da prisão dele, em outubro, a DCCV de Serra já havia realizado a prisão de outros três integrantes da mesma gangue.

Foram quatro homicídios em agosto, fato que chamou a atenção da polícia. Todos foram investigados e os autores detidos. “Temos registros de que foi usado armamento de calibres diversos, como ponto 40, 9 milímetros e até calibre 556, que é de fuzil. Continuamos com os levantamentos para localizar as armas”, pontuou Villar.

Na casa de um dos detidos, André, os policiais apreenderam um revólver calibre 38 escondido embaixo do sofá.

Os três detidos prestaram depoimento e negaram os crimes. Eles foram encaminhados para o Centro de Triagem de Viana no final da tarde desta quarta-feira.

Ver comentários