Notícia

Quase vice de Bolsonaro, Magno Malta é derrotado no ES

Senador pelo PR buscava a reeleição e ficou em terceiro lugar

O senador Magno Malta votou no bairro Itapoã, em Vila Velha, por volta das 8h deste domingo
O senador Magno Malta votou no bairro Itapoã, em Vila Velha, por volta das 8h deste domingo
Foto: Nathália Contarela

O senador Magno Malta (PR) foi derrotado na busca da reeleição. Aliado próximo de Jair Bolsonaro (PSL), ele chegou a ser convidado para ser vice na chapa presidencial, mas ficou de fora por decidir buscar mais um mandato. Foram eleitos no estado Fabiano Contarato (Rede) e Marcos do Val (PPS).

Leia também

O partido de Magno acabou não coligando formalmente com o candidato do PSL por não haver concordância em coligações proporcionais. Mesmo assim, Malta contava que sua reeleição era certa e durante a campanha fez vários eventos fora do estado para alavancar a candidatura de Bolsonaro.

> Veja raio-X da apuração dos votos no ES

Outro senador capixaba também foi derrotado. Ricardo Ferraço (PSDB) ficou na quarta posição, atrás de Magno.

Ver comentários