Notícia

Por conta de enchente, Atílio Vivácqua decreta situação de emergência

Segundo a prefeitura, a chuva, especialmente nas cabeceiras do Rio Muqui, afetou aproximadamente 100 residências ou até 300 pessoas na cidade

Sobre para 100 o número de pessoas desalojadas/desabrigadas em Atílio Vivácqua
Sobre para 100 o número de pessoas desalojadas/desabrigadas em Atílio Vivácqua
Foto: Foto Leitor/Felipe Coelho

O prefeito de Atílio Vivácqua, Almir Lima Barros, decretou situação emergência por conta da inundação sofrida pelo município na madrugada da última quarta-feira (08). Segundo a prefeitura, a chuva, especialmente nas cabeceiras do Rio Muqui, afetou aproximadamente 100 residências e pelo menos 300 pessoas na cidade.

Pelo decreto, fica autorizado a convocação de voluntários para reforçar as ações de resposta ao desastre e a realização de campanhas de arrecadação de recursos à comunidade. O objetivo é facilitar as ações de assistência à população afetada pelo desastre, sob a Coordenação de Defesa Civil.

Também ficam dispensados de licitação os contratos de aquisição de bens necessários às atividades de resposta ao desastre. O documento, publicado na sexta-feira (10) e tem prazo de 180 dias.

Ver comentários