Notícia

Garantia do carro: você sabe o que ela cobre?

A proteção de fábrica dura de um a cinco anos, mas não cobre todos os equipamentos do carro

Foto: FreePik

Na hora de comprar um carro zero, é importante ficar de olho no prazo de garantia que as montadoras oferecem. O período pode variar de um a cinco anos dependendo da marca e modelo do veículo. Por isso, o proprietário precisa consultar o manual de garantia e as condições para a cobertura de cada marca.

Segundo o gerente de serviço da CVC (Chevrolet) e Tai Motors (Hyundai), Rogério Lopes Monteiro, a garantia é uma forma de segurança para os consumidores. “O cliente tem a certeza da qualidade do serviço, transparência e tranquilidade de saber que em uma possível anomalia de fábrica não terá gasto adicional”.

A Chevrolet dá garantia de três anos para todos os modelos. Já a Hyundai cinco anos para os carros produzidos no Brasil – Creta e HB20. “Nos dois casos a garantia cobre falhas do produto, incluindo motor e caixa de câmbio, com exceção de peças de desgaste natural, como filtros, pastilhas, correias e outros”, explica.

Peças de desgaste natural são aquelas que, inevitavelmente, terão que ser trocadas em algum momento, já que, literalmente, vão acabando. A troca é feita diante de análise com base no tempo de vida e quilometragem do veículo.

Na Ford a garantia é de três anos, exceto a Ranger, que tem cinco. A garantia é total, mas também não inclui itens de desgaste. “A empresa garante a troca das peças dos veículos que, em serviço e uso normal, apresentarem defeitos de fabricação ou de material”, diz o gerente geral do grupo Contauto, Jovani Lazarini Gomes.

Já a Volkswagen estabelece garantia de três anos para todos os modelos e peças, incluindo motor e caixa de câmbio, exceto itens de desgaste natural.

PRAZO DIFERENTE

Algumas montadoras estabelecem tempo de garantia diferenciado para determinadas peças, como bateria, lâmpadas e palhetas. Na Chevrolet e na Hyundai, por exemplo, a garantia é de um ano para bateria, e três meses para lâmpadas e palhetas. Já na Ford, a garantia da bateria é de dois anos. A, no entanto, Volkswagen oferece garantia de algumas peças de desgaste natural mediante análise.

Com relação à pintura do carro, algumas marcas oferecem reparo, desde que não seja causado por agente externo. A garantia varia entre três a cinco anos para uso particular, dependendo da montadora.

CUIDADOS

Para usufruir da proteção, o proprietário deve seguir cuidados, como manter as revisões periódicas em dia. “Isso inclui calibrar os pneus regularmente e estar atento ao balanceamento e alinhamento do carro. Toda alteração de características originais do veículo é passível de perda da garantia, como por exemplo, trocar o aro das rodas”, ressalta o gerente da Vitoriawagen Serra, Fábio Santório.

Gerente de pós-venda da Prime Hyundai, Jonas Ribeiro explica a importância de cumprir o plano de manutenção. “É essencial seguir as orientações da montadora, de acordo com o tempo ou por quilometragem. E não é recomendada a instalação de equipamentos e acessórios fora da rede autorizada”.

AS REGRAS

Chevrolet

Tempo

Três anos para todos os modelos

O que cobre?

Falhas do carro, incluindo motor e caixa de câmbio

Peças de desgaste

Um ano para bateria e três meses para lâmpadas e palhetas

Hyundai

Tempo

Cinco anos para carros produzidos no Brasil – Creta e HB20

O que cobre?

Falhas do carro, incluindo motor e caixa de câmbio

Peças de desgaste

Um ano de garantia para bateria e três meses para lâmpadas e palhetas

Ford

Tempo

Três anos, exceto Ranger, que tem cinco

O que cobre?

Troca de peças que em uso normal apresentem defeito de fabricação ou material. Para bateria, são dois anos

Peças de desgaste

Ná há cobertura

Volkswagen

Tempo

Três anos para todos carros

O que cobre?

Motor e caixa de câmbio

Peças de desgaste

Oferece garantia mediante análise com base no tempo de vida e quilometragem

 

 

Ver comentários