Notícia

Toyota apresenta novo RAV4 híbrido

SUV tem um motor à combustão e três elétricos. Autonomia é de até 1.000 km

Visual do novo RAV4 é mais agressivo, a carroceria tem  mais vincos, e faróis e lanternas estão mais estreitos. O interior também foi completamente remodelado
Visual do novo RAV4 é mais agressivo, a carroceria tem mais vincos, e faróis e lanternas estão mais estreitos. O interior também foi completamente remodelado
Foto: toyota/divulgação

Desde último Salão do Automóvel de Nova York, em março de 2018, a Toyota anunciou um novo RAV4. E realmente está completamente novo. O modelo chega ao país – produzido no Japão – repleto de mudanças, e só será vendido com motorização híbrida, que não está presente nos concorrentes. O modelo começa a ser vendido no dia 13 de junho, por R$ 165.990 na versão S, e R$ 179.990 na SX.

O preço inicial subiu R$ 16 mil em relação ao modelo 2019. Mas, em compensação, graças à nova motorização, a potência aumentou 53%. Foi de 145 para 222 cv. Em vez do motor 2.0 de 145 cv do modelo atual, o novo SUV funciona com quatro motores, sendo um a gasolina (2.5 de quatro cilindros, 16 válvulas e 178 cv) e três elétricos (que geram outros 120 cv). Em conjunto, eles fornecem tração nas quatro rodas, o que é outra novidade na linha.

Leia também

No novo RAV4, o motor a combustão move as rodas dianteiras. Já a tração traseira fica a cargo da propulsão elétrica, que entra em ação em caso de necessidade.

Segundo a montadora, o SUV tem autonomia de até 1.000 km, dependendo do modo de condução. O consumo oficial é de 12,8 km/l na cidade e 14,3 km/l na estrada. O câmbio é CVT. A bateria é de níquel hidreto metálico de segunda geração.

TAMANHO

A distância entre eixos do SUV aumentou 3 cm, para 2,69 m. Isso amplia o espaço interno. O porta-malas tem capacidade para 580 litros, e o interior também foi inteiramente redesenhado. A altura livre do solo está 1,5 cm maior (18 cm totais).

EQUIPAMENTOS

A versão de entrada S Hybrid chega com seteairbags, faróis de LED com ajuste automático de altura, bancos com partes revestidas de couro, bancos dianteiros com um sistema de ventilação, banco do motorista com memória para duas posições, além da regulagem elétrica de seis posições, sistema de áudio com tela de LCD sensível ao toque de 7” combinando com o painel de instrumentos de TFT de 7”, sistema de partida por botão, rodas de liga leve de 18”, controle de climatização digital automáticodual-zonecom saída para os bancos traseiros, freio de estacionamento eletrônico e função Hold, controle eletrônico de tração, controle de Assistência de Subida em Rampa,Sistema de Controle Eletrônico de Estabilidade e Controle de Reboque e Oscilação, dentre outros.

A versão SX Hybrid acrescenta teto solar, carregador de celular sem fio, abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas com acionamento interno ou passando o pé por debaixo do para-choque traseiro, Paddle Shift para troca de marchas manuais e pacote de segurança ativo com assistentes de condução.

Ver comentários